Eu comprei uma coleção de clássicos e quero ler pelo menos um livro por mês.
Comecei pelo de Flaubert.

Em 1856 já rolava uns folhetins sobre os Bovary mas foi em 1857 que o circo pegou fogo!
Flaubert lançou o livro e logo foi processado judicialmente.
Aquela história da moral e dos bons costumes e blá blá blá...
Tentaram acabam com a obra mas ela caiu de pé e, depois, se tornou um grande sucesso!

Bem, primeiro aparece Charles Bovary.
Homem pacato, apático, sem ambições na vida e que vive para o trabalho.
Torna-se viúvo pouco tempo depois de casado e cai de amores por Emma, filha de um paciente que ele passou a visitar com frequência.

Emma Rouault estudava num convento mas o deixou para viver com o pai e gerir a casa de campo.
Uma moça sonhadora e que viajava através dos livros.
Desejava uma paixão alucinante, com beijos apaixonados e que jure amor eterno.
Mas vê todos seus sonhos se dissiparem quando se casa com Charles.


Quando se muda para outra cidade por causa de uma proposta melhor de emprego para o marido,
Emma conhece Rodolphe, um galanteador de carteirinha e vive um tórrido romance que termina com
Emma abandonada e desiludida. Ela já não acredita mais no amor quando reencontra Léon, um antigo vizinho que por ela nutria uma furtiva paixonite. Os encontros são arranjados através de mentiras, as coisas tomam proporções perigosas e Emma se envolve tanto que acaba perdendo o controle de si mesma, de sua família, de seu romance, de suas dívidas e suas falácias.
Quem já leu?

Um beijo bem grande.







Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para nós!
Deixe o link do seu blog para que possamos retribuir a visita.
Volte todos os dias! ^.~
Comenta aê: